Vídeo: O povo brasileiro é um só – Pós-eleições 2014

Diante das manifestações separatistas nas Redes Sociais após apuradas as urnas, resolvi deixar meu recado para o povo brasileiro. Abaixo, o texto na íntegra:

Não se ofenda nordestino
Não se sinta agredido sulista
Gaúcho, acreano, paulista, mineiro
Porque aqui, a raça é mista
É tudo povo, é brasileiro
Vejo tanto ódio nas redes
Tanto fogo no palheiro
Mato-grossense, baiano, carioca, capixaba
Humano
Trabalhador é companheiro
No batente, na enxada
É tudo povo, é brasileiro
Co-irmãos de sofrimento
Tiradentes, herói
João de Deus, salvador
Bento, visionário
Toledo, vanguardeiro
Caneca, humanitário
Zumbi, libertador
Antônio, conselheiro
Batista Campos, inovador
É tudo povo, é brasileiro
É tudo povo, é brasileiro
Nossa gente, gente igual
Gente rica, gente pobre
Acordeão, berimbau
Ouro, prata, ferro e cobre
Tapioca, pirão
Chimarrão, caipirinha
E pão de queijo do bão
Abacaxi, mandioquinha
Bambu, seringueira
Ipê, café, jacarandá
Salgueiro, coqueiro, oliveira
Imbuia, cajueiro
É tudo povo, é brasileiro
Não me venha com essa prosa
De visão separatista
De tão ruim, joga pro lado
Dói a mente, dói a vista
A sua terra é a minha
Tchê, uai, vixe mainha
Abra os olhos, não se acanhe
Deixe de lado o dinheiro
E perceba, que aqui tudo é igual
É tudo povo, é brasileiro
Tudo isso é egoísmo,
É olhar pro próprio umbigo
“Se eu não melhoro de vida
Quem melhora é inimigo”
Repare mais nos canteiros
Desvie um pouco o olhar
“Quem se importa com comida
Se eu tiver meu caviar?”
Não desista de um país
Devido ao vencedor da eleição
Candidato não é anjo
Nem renega a ti o pão
É preciso ter coragem,
E começar tudo de novo
Dilma, Aécio ou Marina?
O que importa é o povo
Tenho ouvido muitas críticas
Às manifestações do ano passado
Que todos que eram vítimas
As eram por vinte centavos
Na verdade, a mensagem
“Somos vivos, somos bravos”
Vale pra qualquer político
Vale pra qualquer situação
A revolução não foi prática
Na verdade, é ideológica
Se antes calavam a imprensa
E impediam inovação
Hoje são milhões conectados
Só mostrou pros governantes
Que estamos acordados
Não caiamos na pilha
De divisão de nações
Somos filho, somos filha
Uma voz, mil corações
E entender de vez
Que o interior e o praieiro
O filho da terra e o imigrante
É tudo povo, é brasileiro

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s